Remove these ads. Join the Worldbuilders Guild

Triboar

A vila de Triboar tem esse nome pela história de um viajante ter matado três javalis no mesmo dia no local onde nasceu a vila há mais de 400 anos.   O lugar é relativamente plano e fértil, com várias fazendas e ranchos nos arredores. No meio da vila há um espaço para o manejo de carros, charretes e carroças, bem como para o acampamento de exércitos que por ali passem. Há ferreiros, fazedores de arreios e outros profissionais para dar apoio aos tropeiros e carreteiros que passam por ali.

Government

A cidade é governada por um lorde protetor (o título serve tanto para homens e mulheres) selecionado por voto popular. Em 1492 CV esse título pertencia a Darathra Shendrel.

Defences

A milícia de Triboar é constituída oficialmente pelos Doze, selecionados pela Lorde Protetora. Além disso, ela pode arregimentar da população até 50 pessoas à noite e 300 pelo dia.

Industry

O principal comércio de Triboar é de animais de carga, como cavalos, bois e búfalos, além de todo o comércio que existe em volta disso, como ferreiros, marceneiros, coureiros e fazedores de arreios. Além disso, há grupos carreteiros e espadas de aluguel para proteger caravanas.

Guilds and Factions

Há um entreposto do Carreteiro Escudo do Leão na vila, A Parte do Leão.

History

Em 1 de Tarsakh de 1492 CV, Triboar foi alvo de um ataque de gigantes do fogo. Eles estavam procurando uma peça que estava enterrada no pátio norte de caravanas. Ao que Folkor Shadowless e Torian Gulor Danein descobriram, a peça fazia parte de um construto maior. Para a procura, eles usavam um item chamado Cetro de Vonindod. Muitas pessoas ficaram feridas ou morreram no ataque, além de terem suas casas e negócios danificados.